San da Mí, ex-Sambô, reclama de gafe de Faustão: "Falta de educação" - Instafamosos
  • San da Mí, ex-Sambô, reclama de gafe de Faustão: “Falta de educação”

    O músico San da Mí, ex-Sambô / Foto: Reprodução Instagram

    Foto: O músico San da Mí, ex-Sambô / Foto: Reprodução Instagram

    No último domingo (28) o apresentador Fausto Silva cometeu uma gafe em seu programa. Durante o quadro “Se Vira Nos 30”, Faustão não reconheceu o cantor Daniel San, ex-vocalista do grupo Sambô, que estava lá se apresentando com um novo grupo, chamado “A Banda que Voa”, que se apresenta suspensa por cabos e plataformas. O músico agora usa o nome artístico San da Mí.

    “Quanto tempo tem a banda”, perguntou Faustão. “A gente tá começando agora, fizemos três apresentações”, disse San. “Ah, então vocês estão ensaiando”, disse Faustão.

    Além de reclamar com a produção porque o nome na ficha estava errado, depois da apresentação Faustão “puxou a orelha” de uma de suas repórteres que fica no meio da plateia e havia anunciado a atração. “Você tá fazendo pegadinha, não tem nada de voar coisa nenhuma”, disse. “É, foi o que passaram, propaganda enganosa”, respondeu ela, constrangida.

    Na segunda-feira, San da Mí publicou um desabafo em seu perfil no Instagram: “Confesso que me surpreendi com a falta de educação dele, primeiramente com sua equipe (que foram incríveis para o programa acontecer), depois errou o nome da banda (desleixo), etc…pois já participei do programa outras vezes, inclusive quando venci esse quadro.”

    Veja o desabafo do cantor:

    Visualizar esta foto no Instagram.

     

    Para quem não viu, este é o vídeo da nossa apresentação no Se Vira nos 30. As imagens falam por si, é um espetáculo lindo. Fomos CONVIDADOS PELA PRODUÇÃO DO FAUSTÃO e no início pensamos em não aceitar, pois descaracterizaria nossa apresentação que acontece em alturas maiores, de 30 a 40 metros. Após algumas reuniões com a produção decidimos fazer e adaptamos para o quadro e espaço do programa, foi difícil e trabalhoso. Foram 28 pessoas envolvidas entre artistas e equipe e 28 horas de montagem ininterrupta, preparamos com a produção mais músicas para serem apresentadas, o que infelizmente não aconteceu porque o apresentador não entendeu e não gostou do número, mesmo tendo sido previamente aprovado. Confesso que me surpreendi com a falta de educação dele, primeiramente com sua equipe (que foram incríveis para o programa acontecer), depois errou o nome da banda (desleixo), etc…pois já participei do programa outras vezes, inclusive quando venci esse quadro. Somos artistas e profissionais sempre prontos para divulgar a nossa arte, a @ciak_kikocaldas tem 30 anos de experiência em criação, direção e execução de grandes espetáculos e eu 20 anos na música. Tenho orgulho de estar a frente desse projeto, com esses artistas e equipe e sigo minha carreira com amor e dedicação e sem me importar com Haters e a mídia sensacionalista. ✌🏼✨ @abandaquevoa

    Uma publicação compartilhada por San da Mí (@sandami) em

    arrow